27 de jun de 2011

SUGESTÃO DE PASSEIO: INSTITUTO BUTANTÃ


Com a inauguração da estação Butantã da Linha 4 – Amarela do metrô, o Instituto Butantã ficou mais acessível. Apenas 10 minutos de caminhada separam a estação ao instituto. Caminhada que vale a pena. O Butantã não é somente uma instituição voltada para a pesquisa de venenos, vacinas e microbiologia, é uma instituição museológica. Os visitantes podem conhecer o Museu Histórico, o Museu Biológico e o Museu de Microbiologia. Um dos mais interessantes é o Museu Biológico - na verdade, uma espécie de “mini-zôo ofídico”. Turistas e paulistanos tem a oportunidade de conhecer diversas espécies de serpentes, a grande maioria originária do Brasil, em uma exposição permanente. Os adultos adoram e as crianças enlouquecem. É difícil conter o deslumbramento da meninada diante das sucuris, cascaveis e jararacas em exposição. Outro museu que vale a visita é o pequeno Museu de Microbiologia. Inaugurado em 2002, ele é uma verdadeira aula sobre bactérias, vírus e doenças como malária, dengue, doença de Chagas e Aids. Quanto ao Museu Histórico, ele é interessante para quem pretende conhecer a própria história da instituição criada por Vital Brazil. Mas as atrações do Butantã não terminam aí.
O Instituto Butantã está situado em uma rica e bela área verde ligada a Cidade Universitária, o que faz dele um ótimo lugar para bater perna ou simplesmente ficar ao ar livre. É difícil de acreditar que São Paulo, uma imensa selva de pedra, abrigue áreas onde se pode apreciar o canto dos pássaros, sentir o vento, tomar sol na cara, andar despreocupadamente como o parque do Butantã.
A entrada do parque é gratuita. O ingresso que dá direito aos museus custa R$ 6,00, com desconto para crianças e estudantes.

Dicas: aproveite para conhecer a nova Linha 4 – Amarela do metrô. As estações e trens são os mais modernos do país. Se tiver tempo, pegue o metrô até a Consolação e aproveite para dar uma voltas na avenida Paulista. Com suas feirinhas e sua extensa programação cultural de final de semana, a Paulista é uma excelente opção de lazer.

Endereço: Av. Vital Brazil, 1500 – Butantã – Tel. (11) 3726.7222.

9 de jun de 2011

SUGESTÃO DE PASSEIO: CEMITÉRIO DA CONSOLAÇÃO


Inaugurado em 1958, é o mais antigo cemitério de São Paulo. Sua localização é privilegiada, a meio caminho do Centro e da avenida Paulista. Tem como vizinhos os cemitérios do Araçá, dos Protestantes e do Sacramento. Fica a poucos metros da FAAP (Fundação Armando Alvares Penteado), da Universidade Mackenzie, da avenida Angélica, Shopping Pátio Higienópolis e Estádio do Pacaembu.
POR QUE É INTERESSANTE: Possuiu um dos mais ricos acervos de arte tumular do país. Um dos mais belos túmulos é o da família Jafet, a poucos metros da administração. Abriga o maior túmulo da América Latina, pertencente a tradicional família Matarazzo. O número de personalidades sepultadas também é grande. O Consolação é um dos poucos cemitérios com guia turístico e folhetos com a história e localização de obras de arte e túmulos de famosos.
PERSONALIDADES SEPULTADAS: Monteiro Lobato, Mário de Andrade, Tarsila do Amaral, Armando Bogus, Rubens de Falco, Oswald de Andrade, Washington Luis, Marquesa de Santos, Victor Brecheret, Ramos de Azevedo, Guiomar Novaes, Campos Sales e outros.
SANTOS DO POVO: Antoninho da Rocha Marmo (garoto que morreu de tuberculose aos 12 anos e que até hoje é considerado milagreiro pelo povo) e Maria Judith de Barros.
ARTE TUMULAR: Possui esculturas de artistas consagrados como Amedeo Zani, Rodolfo Bernardelli, Nicola Rollo, Galileu Emendabili, Luigi Brizzolara, Bruno Giorgi e o conhecidíssimo Victor Brecheret.

Dicas: o cemitério da Consolação fica a poucos metros de dois outros cemitérios interessantes, o do Araçá e o do Redentor (ou Cemitério dos Protestantes). Se puder, visite-os no mesmo dia. Observe os constrastes entre os três cemitérios. Além do mais, você terá uma verdadeira aula de história. Veja também o post TURISMO EM CEMITÉRIOS, de onde esse texto foi extraído.

Endereço: Rua da Consolação, 1.660 – Tel.: (11) 3256-5919, 0800-109850 (agendamento de visitas monitoradas)